Impressão 3D em sala de aula: entenda, veja e faça 7 projetos.

Tempo de leitura: 8 minutos

O que ganham professores e alunos ao utilizar impressão 3D em sala de aula? Nesse método de aprendizagem diferente do tradicional currículo com disciplinas ensinadas por meio de livros e outros discursos didáticos, torna-se possível a prática e a colocação da mão na massa para a elaboração de projetos em 3D.

Esses projetos podem ser utilizados em aulas de ciências, matemática, geografia, biologia, artes, enfim… Todo campo de conhecimento pode ter a intervenção dessa tecnologia no processo de ensino. E os ganhos são notórios.

impressao-3d-em-sala-de-aula

Esse é o objetivo do movimento internacional chamado “Fab Education”, que busca levar práticas de fabricação digital ao currículo escolar. Ele foi criado pelo Fab Foundation, uma instituição sem fins lucrativos que reúne Fab Labs do mundo inteiro — espaços físicos, também chamados de makerspaces, onde máquinas e softwares de livre acesso democratizam o acesso à manufatura digital.

A Fundação atua na formação de professores e na viabilização de laboratórios com equipamentos, como impressoras 3D, cortadoras a laser, fresadoras, computadores e outras ferramentas.O objetivo é criar um novo cenário educacional, que abandona posturas desinteressadas e passivas de alunos e estimula um aprendizado prático, motivador e engajador.

Para ter o gostinho de como tudo isso já faz parte da realidade, vamos listar aqui algumas iniciativas bacanas de produção de projetos 3D em ambientes escolares.

O exemplo da China: novas tecnologias como política pública de educação

Desde 2015, o governo chinês vem investindo na instalação de impressoras 3D em escolas primárias em todo o país.

Ao todo, mais de 400 mil máquinas estão no projeto de disseminação de novas tecnologias em espaços escolares. Também há dedicação de horas de capacitação dos educadores para que aprendam a operar as máquinas e também se conscientizem da transformação que será enfrentada, positivamente, pela educação.

impressao-3d-em-sala-de-aula-2

Nesse movimento, a Universidade de Guangzhou anunciou um plano para oferecer cursos de impressão 3D para mais de 300 mil estudantes em escolas primárias e secundárias.

Norte-americanos misturam solidariedade com projetos em 3D

Alunos da Hughes Academy, na Carolina do Sul (EUA), fizeram uma parceria com a organização de voluntários E-nabling The Future para criar mãos mecânicas que podem ser baixadas e impressas em 3D a baixo custo.

A universidade conduz um projeto bem estruturado em ciência, tecnologia, engenharia, artes e matemática, ao melhor estilo STEAM, e pretende estender esse tipo de método pedagógico para a criação de outros produtos que, assim como as mãos protéticas, deverão ser doados para quem necessita.

Artes e inovação no centro das atenções nos Estados Unidos

Outra escola norte-americana, a Taipei American School, introduz novas tecnologias no currículo escolar por meio de um programa que une artes e inovação. A intenção é usar o processo de concepção de engenharia para experimentar diferentes materiais e promover a criatividade dos estudantes, além de estimular que problemas do dia a dia sejam resolvidos de forma criativa.

Entre os projetos propostos, está o de Henri, aluno da sexta série que utilizou a ferramenta Sketchup e uma impressora desktop para desenvolver e imprimir um modelo do mundo com palavras que representam a altura de construções comuns da área, que pode ser visto abaixo:

impressao-3d-em-sala-de-aula-3

Aprendizado com novas tecnologias até nas férias

Em São Paulo, a Makers Brasil, plataforma de educação e inovação focada na prototipagem e desenvolvimento de produtos para a nova Revolução Industrial, oferece cursos de férias para crianças com aulas práticas que ensinam a técnica da manufatura aditiva que suporta a impressão 3D. Até o final do curso, cada criança constroi um protótipo funcional programando, montando circuitos com LEDs, motores, sensores e outros componentes.

Todos esses exemplos de adoção de impressoras 3D em ambientes educacionais têm como base o fazer, a colaboração e a autonomia para desenvolver projetos. Nesse tipo de dinâmica, os alunos são levados a imaginar, construir, testar sem medo de errar, aperfeiçoar e gerar ideias.

O poder da colaboração para a evolução da educação, para a evolução do mundo

Na era digital — que alia a precursora web 2.0, a computação em nuvem e a internet das coisas —, comunidades virtuais têm se proliferado na busca de compartilhamento de conhecimentos. A palavra do momento é “colaboração”.

Nesse contexto, tanto o movimento maker quanto o STEM possuem plataformas que já se legitimaram como espaços virtuais que carregam a missão de tornar a filosofia da internalização das novas tecnologias algo vivo no dia a dia de pessoas e empresas.

Exemplos ricos de comunidades  rico são a Thingiverse, a Youmagine e a MyMiniFactory , onde designs são compartilhados com informações, modelos e arquivos para download como base para projetos em 3D.

Hoje focaremos na Thingiverse, tida como a maior comunidade mundial de impressão 3D, possuindo vasto acervo, a plataforma aberta estimula a criação por parte de qualquer pessoa e permite que tudo seja utilizado gratuitamente. Além disso, ela disponibiliza instruções de montagem e contextos para uso de cada projeto.

Ali são encontrados projetos em 3D para aplicação em todas as áreas, mas vamos mostrar alguns muito interessantes no campo da educação, do qual a plataforma tem uma atenção especial na aba “Education”.

1. Anatomia básica: a experiência de dissecar um sapo

O kit disponibilizado pela Thingiverse contém arquivos digitais para impressão 3D de um corpo de sapo em tamanho natural, com órgãos que se encaixam como peças de um quebra-cabeça. Além do projeto das partes do corpo, é possível baixar o plano de aula que orienta a melhor aplicação nas aulas de Biologia.

impressao-3d-em-sala-de-aula-4

2. Mais curiosidade nas aulas de História

Estudar a civilização do antigo Egito remonta a trabalhos árduos de arqueólogos e historiadores e mexem com o imaginário das pessoas por conta de sua relevância na história da humanidade. Deixar tudo isso ainda mais instigante é o objetivo do kit com arquivos e instruções para impressão 3D de construções emblemáticas, como a Pirâmide de Gizé.

impressao-3d-em-sala-de-aula-5

3. A conquista do espaço em sala de aula

Imagine a sensação futurista de uma aula cujo tema fosse astronomia e pudesse ser impresso em 3D um modelo de veículo de exploração do espaço! Esse kit também está disponível para ser baixado, com arquivos de projeto em 3D e instruções de montagem em PDF, na plataforma aberta Thingiverse.

impressao-3d-em-sala-de-aula-6

4. O elo perdido dentro da escola

Um kit para impressão de um gigantesco modelo de dinossauro T-Rex é uma das ferramentas educacionais que mais chamam atenção na plataforma colaborativa Thingiverse. O projeto em 3D foi elaborado em escala real e totalmente correto anatomicamente. Estudantes vão ao delírio com uma estrutura dessas montadas em sala de aula.

impressao-3d-em-sala-de-aula-7

5. A cabeça nas nuvens e os pés no chão

Você se lembra daquela aula de classificação dos tipos de nuvens, que os professores se esforçavam para fazer desenhos na lousa para nos ajudar a memorizar as características de cada uma? O tipo “cumulus” apresenta uma base mais horizontalizada, com contornos bem definidos e uma cor esbranquiçada. Já a “cirrus” possui um brilho e são formadas por cristais de gelo. E por aí vai.

Com o kit de impressão que produz réplicas dos tipos de nuvens, esse aprendizado fica muito mais fácil. E para que fique prática a exposição dos modelos, eles possuem um encaixe para lápis, podendo ser utilizados em maquetes e decorações diversas com fins pedagógicos.

impressao-3d-em-sala-de-aula-8

6. Alfabetizando e brincando

Muitos são os recursos para abordar a alfabetização infantil, mas quando a criança pode usar peças impressas em 3D para montar palavras e frases tudo fica mais divertido.

Com o kit de letras do alfabeto, diversos jogos pedagógicos podem ser pensados e as possibilidades ficam por conta da criatividade do professor e da participação dos alunos.

impressao-3d-em-sala-de-aula-9

7. Do outro lado da ponte, aprendizado!

Em um dos kits disponíveis para fins educacionais, é possível imprimir peças em 3D para a simulação da construção de pontes.

Com a dinâmica, é possível abordar as estruturas das pontes, as semelhanças e as diferenças entre os modelos mais comuns, formas geométricas possíveis, uso racional de material, dentre outros detalhes da construção de uma ponte real.

impressao-3d-em-sala-de-aula-10

Esse tipo de experiência que une tecnologia e aprendizagem é uma quebra de paradigmas educacional inspiradora, que enche os olhos de professores e alunos e incentiva qualquer educador a querer ser um elemento chave da educação do futuro.

E aí? Gostou deste conteúdo sobre impressão 3D em sala de aula? Então, assine a nossa newsletter para ter acesso a mais textos como este.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *